Logo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo
Logo do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo
Logo da Federação Internacional de Jornalistas
Logo da Central Única dos Trabalhadores
Logo da Federação Nacional de Jornalistas

FENAJ define nesta semana ações pela aprovação da PEC dos Jornalistas na Câmara

FENAJ define nesta semana ações pela aprovação da PEC dos Jornalistas na Câmara

logo_diploma_interna_310

 

 

Após a aprovação da PEC 33/09 no Senado, a Executiva da FENAJ e a coordenação da campanha em defesa do diploma definem no início desta semana um plano de ação para buscar acelerar a tramitação da matéria na Câmara dos Deputados. As atividades a serem definidas buscarão a intensificação dos contatos com os parlamentares e a ampliação do apoio social à proposta. Em alguns estados a repercussão positiva da aprovação da PEC já surte efeitos.

“Precisamos constituir um movimento cada vez mais forte e com mais apoios”, destaca Valci Zuculoto, diretora da FENAJ e membro do GT da campanha em defesa do diploma. Por isso, adianta, além do contato com os deputados federais em suas bases, o plano de ação a ser definido pela Executiva da FENAJ deverá contemplar contatos com lideranças na Câmara dos Deputados, um calendário de mobilizações e uma agenda articulada com a Frente Parlamentar em Defesa do Diploma.

Iniciando as atividades, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Mato Grosso do Sul está encaminhando ofícios aos deputados federais do Estado expondo sobre a importância do restabelecimento da exigência do diploma para o exercício da profissão de Jornalista. Antes mesmo de receber, logo após a aprovação em segundo turno da PEC 33/09 no Senado, os deputados Fábio Trad, Luiz Henrique Mandetta e Geraldo Resende manifestaram apoio à proposta e devem votar favoravelmente à sua aprovação na Câmara Federal.

A entidade também está estimulando a categoria e seus apoiadores a enviarem e-mails, mensagens via redes sociais ou via telefonema ao gabinete dos deputados que ainda não se posicionaram em favor da PEC, solicitando o seu apoio. 

No Espírito Santo a aprovação da PEC colaborou para que, a pedido do Sindicato dos Jornalistas, o deputado estadual Theodorico de Assis Ferraço (DEM) retirasse da pauta da sessão do dia 13 de agosto a apreciação de um projeto de lei que permitia a não obrigatoriedade da formação de jornalista para exercer o cargo comissionado de secretário de Comunicação Social da Assembleia Legislativa do estado.

Em São Paulo, a cobertura da aprovação da PEC 33 nas redes sociais e a  entrevista do presidente da FENAJ, Celso Schröder, a estudantes que acompanharam a movimentação no Congresso Nacional vem se constituindo num importante instrumento de estímulo à mobilização.

Posteriormente à aprovação da PEC 33/09 no Senado, a Assembleia Legislativa de Santa Catarina aprovou proposição da deputada Ana Paula Lima (PT/SC) parabenizando a FENAJ e os Sindicatos de Jornalistas e reiterando o apoio à luta dos jornalistas pelo respeito e qualificação da profissão. O Sindicato dos Jornalistas já adiantou que buscará agendar uma reunião com a coordenação da bancada federal catarinense para obter apoios à PEC dos Jornalistas.

“Com as iniciativas que já estão se desenvolvendo em vários estados, e com a ampliação do movimento com o plano de ação que lançaremos nos próximos dias vamos buscar assegurar a aprovação da PEC dos Jornalistas na Câmara até o final de 2012”, disse o presidente da FENAJ. “E para isso, a colaboração e envolvimento de todos os que defendem a qualificação do jornalismo será fundamental”, concluiu.

Fonte: FENAJ

veja também

relacionadas

mais lidas

Pular para o conteúdo