Sindicato dos Jornalistas e Fenaj repudiam violência contra jornalista de Bocaina

Por Redação - SJSP

O Sindicato dos Jornalistas no Estado de São Paulo (SJSP), através da Regional Bauru, e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) repudiam os ataques ao jornalista freelancer Antônio Carlos Bispo do Carmo de Oliveira, ocorrido no dia 2 de outubro, durante a cobertura do primeiro turno das eleições 2022 no município de Bocaina, interior de São Paulo.

Enquanto gravava vídeos pelas ruas da cidade para compartilhar no portal Diário da Cidade e nas redes sociais, o profissional foi abordado por um morador, apoiador da gestão municipal, e agredido verbalmente em razão da reportagem sobre a prisão do prefeito Marco Antônio Giro (União Brasil), suspeito de praticar boca de urna próximo a um local de votação. O jornalista registrou boletim de ocorrência e a regional Bauru do SJSP segue acompanhando o caso.

Enfatizamos a importância em denunciar qualquer tipo de violência contra jornalistas, sobretudo durante o período eleitoral de 2022, visto os inúmeros episódios registrados nos últimos anos e estimulados pelo presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o relatório da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), em 2021, 70% dos ataques contra profissionais de imprensa estiveram relacionados direta ou indiretamente com questões políticas partidárias ou ideológicas, o que reforça a importância de atuação do Sindicato neste momento. Para minimizar os ataques promovidos durante o período eleitoral, o SJSP e suas regionais colheram assinaturas de adesão dos candidatos ao pleito eleitoral de 2022 ao Pacto pelo Fim da Violência contra Jornalistas e em Defesa da Liberdade de Imprensa, relevante documento em que assumem o compromisso público de se opor a qualquer forma de agressão aos profissionais de imprensa. Além disso, dias antes da eleição, o SJSP realizou o Ato unificado em Defesa do Jornalismo e da Democracia, no qual evocou um BASTA aos ataques promovidos contra a categoria, defendendo de maneira intransigente o Jornalismo e a Democracia.

 

Bauru, 04 de outubro de 2022.

Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP)

Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj)