Nota de solidariedade aos trabalhadores do El País

Por Redação - Sindicato dos Jornalistas de São Paulo

Nesta terça-feira (13), o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo (SJSP), assim como boa parte dos brasileiros, foi surpreendido pela lamentável notícia do fechamento da sucursal brasileira do jornal espanhol El País. Tão logo as trabalhadoras e trabalhadores souberam da possibilidade de encerramento dos trabalhos, apenas algumas horas antes do anúncio, acionaram o Sindicato que imediatamente se dirigiu à Empresa. O SJSP se colocou à disposição da categoria, se reuniu com a direção da empresa e acompanhou pessoalmente todo o processo de demissões. 

Repudiamos a ação do El País que, sem qualquer diálogo com as e os jornalistas e prestadores de serviços, decidiu pelo fim de suas atividades. Lembramos que, de acordo com a  Convenção 158 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), qualquer demissão coletiva tem de ser negociada previamente com a categoria e seus representantes, já que causa repercussão social, e a negociação mitiga os danos. 

Também nos solidarizamos às e aos 16 jornalistas demitidos, que por 8 anos realizaram um excepcional trabalho à frente da publicação que se tornou referência no jornalismo nacional. 

O SJSP segue acompanhando as e os profissionais para garantir que todos os seus direitos sejam preservados.