Greve da RAC recebe apoio da CTB-SP

Por Adriana Franco - Sindicato dos Jornalistas de São Paulo

A greve dos jornalistas do Correio Popular, da Rede Anhanguera de Comunicação (RAC), recebeu, nesta terça-feira (2), o apoio da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil no Estado de São Paulo (CTB-SP).

Em nota, a central manifestou seu apoio a “greve combativa e legítima, que busca preservar direitos e empregos e exige respeito a esses valorosos profissionais que prestam um serviço diário de extrema importância para a população e a democracia”.

Os jornalistas estão paralisados desde 18 de janeiro e alguns acumulam até 20 meses sem receber. O último pagamento, realizado no início de janeiro, foi de apenas 1/8 do salário. Na assembleia da última quinta-feira (28), os jornalistas decidiram manter a greve e a reivindicação de pagamento dos salários, 13ºs e depósitos do FGTS em atraso.

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) segue em constante contato com os jornalistas afetado e organiza o movimento grevista. Além disso, o SJSP comunicou ao Ministério Público do Trabalho as medidas antissindicais adotadas pela empresa contra o legítimo direito de greve, como a contratação de uma nova equipe para substituir os trabalhadores e manter a circulação do jornal.

Para ler a nota de apoio, clique aqui,