Entregue a pauta dos jornalistas; veja a íntegra

A direção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo entregou ao sindicato patronal  nesta quarta-feira (27) a pauta de reivindicações da...

brao_em_punhobrao_em_punho

A direção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo entregou ao sindicato patronal  nesta quarta-feira (27) a pauta de reivindicações da Campanha Salarial de Jornais, Revistas e Assessoria de Imprensa.  Com o eixo "Defesa do Emprego e do Salário" eles pedem uma cláusula específica para que as empresas se comprometam a não promover dispensa sem justa causa, permitindo-se, “uma rotatividade anual máxima de 5% do quadro de jornalistas”.

As  dispensas só poderão ocorrer por acordo de “interesse mútuo” entre a empresa e o trabalhador que, após os entendimentos, deverá formalizar seu interesse na rescisão, obtendo anuência do Sindicato e retornando ao RH para as formalidades legais.

Entre os itens está a luta pela reposição da inflação (estimada entre 8 e 8,5%) e um aumento real nos salários de 3%, combate ao assédio moral e sexual nos locais de trabalho, à equiparação salarial para trabalho igual, à licença paternidade de 15 dias, à continuidade na luta pela conquista do piso estadual unificado, ao combate à pejotização e à precarização e ao fim do acúmulo de funções.

Jornalistas de Preto:  No dia 29 de maio, no Dia Nacional de Paralisação organizada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), utilizarão roupas pretas para protestar contra a onda de demissões que vem devastando as redações. O sindicato também fará atividade em frente as principais redação da Campanha Salarial.

 

Veja a íntegra da pauta da Capital e do Interior e Litoral.