Contas do Sindicato até julho mantêm-se negativas

Déficit atingiu R$ 180 mil, mas a boa notícia é que a arrecadação com mensalidades aumentou

Por Redação - SJSP

Os dados relativos às contas do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) entre janeiro e julho deste ano mostram que a situação de déficit permanece. Nesses sete meses, o SJSP arrecadou cerca de R$ 1,54 milhão e teve despesas de R$ 1,72 milhão, o que resulta em saldo negativo de R$ 180 mil. Veja aqui o resumo do balancete.

Na peça orçamentária aprovada no ano passado, estava previsto um déficit no período, mas em valor inferior: R$ 151 mil.

O dado positivo em julho é que o valor das mensalidades subiu para R$ 96,4 mil, ante os R$ 87,4 mil arrecadados em junho. Parte dessa elevação se deve ao início da campanha de sindicalizações. Houve também um trabalho de contato com sindicalizados/as que deviam mensalidades atrasadas, o que possibilitou vários acertos.

De janeiro a julho, totalizamos R$ 743 mil em mensalidades, principal item de arrecadação. Como o objetivo para esse período era de R$ 805 mil, o resultado foi R$ 62 mil inferior ao previsto. Considerando-se o conjunto de receitas, ou seja, a Contribuição Negocial, doações de colegas que obtiveram ganhos de causa em ações do Jurídico e outras, nossa meta era atingir quase R$ 1,6 milhão, e chegamos a R$ 1,54 milhão.

Medidas excepcionais

O saldo negativo só não foi maior porque o Sindicato tem realizado cortes de despesas. A previsão de gastos até julho era de aproximadamente R$ 1,75 milhão, e realizamos R$ 1,72 milhão.

O alerta lançado pela diretoria do SJSP no mês passado continua válido. Em razão da situação da entidade, tivemos de atrasar pagamentos e planejar o parcelamento de despesas tributárias. A situação do Sindicato ainda exige novos cortes e medidas excepcionais, tais como a contratação de empréstimos bancários, para que possamos manter as atividades básicas até o fim do ano.

Para 2023, a expectativa é que o aumento do número de sindicalizados/as e das mensalidades solidárias possibilite um orçamento mais equilibrado. Para sindicalizar novos colegas, diretores/as do Sindicato fizeram, nas últimas semanas, visitas a redações, entre as quais as da TV Globo, do SBT, da TV Record e da Editora Globo/Valor. Esse trabalho prosseguirá.

Mensalidade solidária

A mensalidade ao Sindicato, para quem tem vínculo empregatício, é de 1% do salário bruto (com teto de R$ 70,00 na capital e de R$ 45,00 no interior, Grande São Paulo e litoral). Profissionais sem vínculo empregatício pagam um valor fixo: R$ 60,00 na capital e R$ 40,00 no interior, Grande São Paulo e litoral.

Outra campanha em curso é pelo aumento da mensalidade solidária – um valor superior ao da mensalidade normal que qualquer associado/a pode pagar. Quem define esse valor a mais é o próprio sindicalizado. Para quem tem vínculo empregatício, sugere-se, como referência, que pague 1% do salário. Por exemplo, jornalista da capital que tenha salário de R$ 10.000,00 pode pagar os R$ 70,00 do teto da mensalidade normal mais R$ 30,00 da solidária, totalizando R$ 100,00.

Quer aderir à mensalidade solidária? Envie email para: cadastro@sjsp.org.br e informe o valor.