Vitória do Sindicato no Alto Tietê

 
Ação do SJSP garante contratação de jornalista diplomado na Câmara de Poá
 
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) conquistou uma...

logo_diploma_interna_310logo_diploma_interna_310

 

Ação do SJSP garante contratação de jornalista diplomado na Câmara de Poá

 

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) conquistou uma vitória importante na manhã desta quarta-feira (dia 6). A pedido da entidade, a Câmara Municipal de Poá contratou um jornalista com curso superior em jornalismo em detrimento de outro profissional que não possuía diploma. A vaga era para o cargo de assessor de imprensa.

A decisão da Câmara de optar pelo profissional diplomado em jornalismo aconteceu após o SJSP enviar uma carta de repúdio à atitude da entidade, que havia contratado um profissional sem curso superior em jornalismo. No ofício encaminhado ao Legislativo de Poá, o Sindicato lembrou que em 2012 a Casa havia assinado uma moção de apoio à luta pela exigência do diploma de jornalismo para o exercício da profissão.

Para José Eduardo, secretário adjunto do Interior e Litoral, “essa conquista é fruto da atuação firme do SJSP no Alto Tietê que, em conjunto com os jornalistas da região, foi informado sobre a contratação do profissional não habilitado pela Câmara Municipal de Poá. Trabalhamos pela defesa dos direitos dos trabalhadores desta categoria e, principalmente, pelo emprego para os jornalistas diplomados”, concluiu o dirigente. 

O Sindicato dos Jornalistas de São Paulo e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) é contra a contratação de profissionais, sem que seja respeitada a legislação profissional, uma vez que estamos lutando no Congresso Nacional para reverter a desastrosa decisão do STF de 2009, quando foi abolida a exigência do diploma de jornalismo para o exercício da profissão jornalistas sem curso superior em jornalismo, e portanto, vêm atuando firme nessa questão.

A entidade pretende intensificar em 2013 a campanha pelo diploma em jornalismo e está analisando as estratégias, como envio de ofício a todas as Câmaras Municipais e Prefeituras de São Paulo solicitando que elas contratem apenas jornalistas diplomados.