Sindicato se reúne com jornalistas do jornal Marca Brasil e Brasil Econômico

Na última sexta-feira, dia 9, a direção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) esteve reunida com jornalistas do Grupo EJESA para analisar...


fotobrasileconomico1fotobrasileconomico1

Na última sexta-feira, dia 9, a direção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) esteve reunida com jornalistas do Grupo EJESA para analisar o impacto da decisão da empresa de encerrar as atividades do jornal Marca Brasil e manter exclusivamente virtual o jornal.

A direção do Sindicato esteve  representada pelos dirigentes Evany Sessa, secretária de Relações Sindicais e Sociais do SJSP, Cândida Vieira, secretária de Finanças e pelo coordenador do Departamento Jurídico do Sindicato, Raphael Maia.

A última edição do Marca Brasil circulou no dia 9 e a empresa garantiu aos jornalistas que ninguém será demitido e todos serão integrados no site do jornal O Dia e ao caderno de esportes Ataque, também pertencentes ao Grupo EJESA. Ao todo, 20 trabalhadores compõem a redação do jornal.

Na tentativa de manter os empregos e impedir as demissões, o Sindicato protocolou, também no dia 9, um ofício na própria empresa exigindo a garantia dos empregos e a formalização de um Termo de Compromisso pelo qual a empresa se compromete em comunicar o Sindicato, com prazo mínimo de 30 dias, caso haja intenção de efetuar dispensas.

Além disso, o SJSP pediu também que seja garantida no Termo de Compromisso a abertura de negociações imediata sobre o assunto e permitido o acesso do Sindicato à redação já que, para a entidade, o contato com os trabalhadores é fundamental. A entidade irá acompanhar o processo de remanejamento dos profissionais e está à disposição de todos os trabalhadores para eventuais dúvidas.

Foto: Bárbara Barbosa