Rádio e TV: Campanha salarial convoca para assembleias na capital, no interior e litoral

Por Adriana Franco

SJSP realiza quinta rodada de negociação da Campanha Salarial de Rádio e TV / Foto: Cadu BazilevskiSJSP realiza quinta rodada de negociação da Campanha Salarial de Rádio e TV / Foto: Cadu BazilevskiApós a quinta rodada de negociação, que aconteceu nesta terça-feira (09), o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo (SJSP) convoca jornalistas de Rádio e TV a se integrar à campanha salarial 2017-2018.

A partir desta quarta-feira (10), o sindicato realiza assembleias na capital, no interior e litoral para discutir a proposta dos patrões com o objetivo de atender aos interesses da categoria.

Durante a reunião, o Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão no Estado de São Paulo (Sertesp) insiste em manter a proposta de reajuste salarial de 2,5% - repondo a inflação de 1,95% (INPC) com aumento real de 0,5%. A bancada dos jornalistas luta pela reposição das perdas sofridas nos salários e benefícios entre 2014 e 2016 e contrapôs reajuste de 4,5%.

A direção do SJSP avalia como complexa a negociação deste ano, onde o restante das cláusulas tem grande importância após a reforma trabalhista e destaca que a proposta patronal propõe a retirada de direitos historicamente presentes na Convenção Coletiva, tais como o fim quinquênio, que corresponde ao acréscimo de 3% do salário a cada cinco anos; a substituição da diária de viagem por controle da jornada com pagamento simples da hora extra; a possibilidade de indenizar e demitir a jornalista após a licença-maternidade, acabando com a estabilidade de um mês após o retorno da gestante; fim da estabilidade provisória e do salário adicional a quem se aposentar. Para o sindicato, a manutenção da CCT continua prioritária nas negociações.

Diante do quadro, o SJSP irá realizar assembleias por empresa e por cidade também no interior e litoral até a próxima segunda-feira (15) para que os jornalistas assumam o protagonismo desta campanha salarial para preservar e garantir direitos, decidindo o futuro da negociação.

A sexta rodada de negociação acontece na sede do sindicato patronal, na zona oeste da capital paulista, na próxima terça-feira (16).

Assembleias Rádio e TV capital

Rede Globo
Quarta-feira: 10/01 – às 13h30 e às 15h
Portaria em frente ao Hyatt

Rede TV! - ADIADA, aguardando nova data
Quarta-feira: 10/01 – às 15h
Na redação

CBN Palmeiras
Quinta-feira: 11/01 - às 12h
Redação

Record
Quinta-feira: 11/01 - às 13h
Rua da Várzea

Rede Bandeirantes
Quinta-feira: 11/01 às 14h
Rua Carlos Cyrillo Junior (restaurante)

ESPN
Quinta-feira: 11/01 - às 16h
Sala na empresa

Jovem Pan
Sexta-feira: 12/01 - às 11h
Redação

CBN Paulista
Sexta-feira: 12/01 - às 12h
Redação

TV Gazeta
Sexta-feira: 12/01 - às 15h
Redações

SBT
Sexta-feira: 12/01 - às 17h
Redação

Sindicato
Segunda-feira: 15/01 - às 12h
Sede do Sindicato

São Bernardo do Campo

TVT
Sexta-feira: 12/01 - às 14h45
Redação

Outras empresas da capital, interior e litoral: reuniões estão sendo organizadas e em algumas redações aguardamos autorização para entrar. Divulgaremos demais assembleias conforme agendamento.

Escrito por: Adriana Franco - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo. Foto: Cadu Bazilevski