Sindicato dos Jornalistas de SP apoia greve dos jornalistas de Alagoas

Assembleia da categoria aprovou moção em apoio à greve

Por Redação - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo (SJSP) aprovou em assembleia nesta quarta-feira (26) uma moção em apoio aos jornalistas de Alagoas, que reivindicam reajuste salarial com ganho real e aderiram de forma maciça à paralisação por tempo indeterminado.

No terceiro dia de greve, o Sindicato dos Jornalistas de Alagoas divulgou um vídeo demonstrando a mobilização da categoria. Veja o vídeo abaixo.

Leia a nota de apoio à greve aprovada em assembleia:

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo (SJSP) manifesta seu apoio e solidariedade à greve dos jornalistas de Alagoas que paralisaram as atividades por tempo indeterminado a partir desta terça-feira, dia 25, em reivindicação do reajuste do piso e dos salários repondo a inflação do período e com ganho real de 5% e contra a proposta patronal de redução do piso salarial em 40% com implantação do banco de horas, do tele-trabalho e da compensação de jornada.

O Sindicato dos Jornalistas de Alagoas informou, no primeiro dia de greve, que a adesão era de 90% da categoria, o que obrigou as emissoras de TV a reprisar matérias antigas e trazer jornalistas de outras praças. A data-base da categoria é 1º de Maio e desde fevereiro o sindicato busca acordo por meio da negociação, que está em dissídio coletivo.

Em defesa do jornalismo e das condições de vida e trabalho da categoria, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de São Paulo (SJSP) apoia o movimento grevista realizado pelo conjunto dos trabalhadores que possuem reivindicações plausíveis e concretas contra a redução do piso e em favor do reajuste salarial com reposição inflacionária e ganho real.

 

São Paulo, 26 de junho de 2019