Notícias

Voltar

Jornalistas de Ribeirão não aprovam acordo

Durante plebiscito, redação do A Cidade pediu ao Sindicato para registrar rejeição à proposta patronal
A pedido dos jornalistas do A Cidade, Ribeirão Preto, o Sindicato...

Durante plebiscito, redação do A Cidade pediu ao Sindicato para registrar rejeição à proposta patronal

A pedido dos jornalistas do A Cidade, Ribeirão Preto, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) registra que os colegas votaram majoritariamente contra a proposta de reajuste encaminhada pelos patrões de Jornais e Revistas do Interior e Litoral durante o plebiscito realizado pela Regional.  A redação do jornal A Cidade demonstrou contrariedade com a proposta patronal, sendo que 17 jornalistas votaram contra e 4 votaram a favor do reajuste salarial parcelado em duas vezes, sendo um pouco mais de 4% retroativos à data base de 1º de junho e 4% a partir de janeiro próximo, totalizando 8,16%. A diferença do reajuste retroativo será paga em até cinco parcelas a partir de janeiro.

Maioria aprova

A Campanha Salarial foi encerrada na terça-feira (22) depois da realização de plebiscito nas redações do interior e litoral com aprovação da proposta pela maioria dos jornalistas. No total, votaram 392 jornalistas de todas as Regionais do SJSP, sendo  309 votos a favor da proposta e 83 contra. Não puderam votar os profissionais do Diário do Grande ABC, pois direção do jornal não respondeu a tempo o pedido do SJSP para realização do plebiscito.

 

Escrito por: Redação – Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo