Cláudia Motta: “Participe do Sindicato dos Jornalistas. Sindicalize-se!”

Por Redação - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

“Sei da importância que tem o trabalhador ser sindicalizado, participar do seu Sindicato. Ainda mais agora que os jornalistas estão sendo tão atacados, com nosso trabalho tão precarizado, o Sindicato dos Jornalistas tem feito um baita esforço para conseguir com que tenhamos nossos direitos respeitados e que a categoria esteja corretamente representada e fortalecida.”

A opinião resume o depoimento da jornalista Cláudia Motta, no quarto minivídeo da web série produzida para a Campanha Permanente de Sindicalização do SJSP, que tem como mote Em legítima defesa, sindicalize-se! Com vinte e sete anos de profissão dedicados ao jornalismo independente, Cláudia é atualmente repórter da RBA (Rede Brasil Atual), projeto formado por “uma cadeia de veículos e empenhado em produzir e difundir comunicação e cultura diferenciada daquela vista na imprensa tradicional e comercial”.

Sindicalizada desde 1992, foi assessora de imprensa do Sindicato dos Bancários de São Paulo, onde também foi editora geral da Folha Bancária, um dos mais antigos jornais em circulação no movimento sindical, e do portal da entidade.

Em 2006, junto com dirigentes sindicais da CUT (Central Única dos Trabalhadores) e jornalistas comprometidos com um novo jeito de produzir comunicação, Cláudia participou da criação da Revista do Brasil, que acabou dando origem à RBA, rede voltada ao jornalismo independente em várias mídias – portal, rádio e televisão – com produção diária de conteúdo e várias parcerias com coletivos alternativos.

Pela RBA, a jornalista participou da cobertura das Caravanas Lula pelo Brasil pelo nordeste, Minas Gerais e sul do país, produzindo reportagens para a rede, Rádio Brasil Atual e TVT. Para ela, “a imprensa é fundamental para uma sociedade desenvolvida, uma sociedade democrática. E o Sindicato dos Jornalistas é tão fundamental quanto”.

Acompanhe o depoimento de Cláudia Motta no minivídeo editado por Norian Segatto: