Rádio e TV: Sindicato consulta categoria sobre a abertura das negociações

Direção do SJSP entrará nas redações para realizar plebiscito

Por Redação - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

Cerca de um mês depois de remeter a pauta de reivindicações da categoria, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) foi procurado pelo Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão para renovar o conjunto das cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), atualizando os salários em 100% da inflação do período. A inflação medida nos últimos 11 meses já acumulou 2,8% e o número final, incorporando a inflação de novembro, será conhecido em 6 de dezembro.

As empresas ofereceram essa proposta e para que seja válida deve ser aceita até 30 de novembro, véspera da data-base. Por isso, a direção do Sindicato dos Jornalistas realizará nos próximos dias um plebiscito nas redações para consultar a categoria.

Caso os jornalistas aceitem a proposta, a CCT estará garantida por mais um ano, incluindo a PLR que varia de 45% do salário nas empresas com mais de 85 jornalistas a 30% dos salários nas empresas pequenas, nos limites já praticados nos anos anteriores. Também serão corrigidos pela inflação as demais cláusulas econômicas e fica garantida a renovação de todas as cláusulas sociais, tais como a estabilidade para o empregado em vias de se aposentar e a estabilidade para gestante, entre outras. Por outro lado, os jornalistas abrem mão do ganho real e de inserir ou aprimorar cláusulas.

Ao receber a proposta, o SJSP já sinalizou para o patronal que, caso a categoria aceite a proposta, pretende concretizar a cláusula que prevê uma comissão paritária para negociar cláusulas que demandem maior tempo de negociação com vistas à próxima negociação.

Caso a categoria rejeite a proposta patronal de renovar a convenção com reposição da inflação, o Sindicato estará pronto para negociar, mas destaca que o sindicato patronal já sinalizou sua disposição em negociar cláusulas já estabelecidas. O SJSP ressalta a importância em negociar pontos fundamentais à categoria, tais como o adicional de penosidade e por trabalho multiplataforma bem como as demais cláusulas propostas na pauta de reivindicação (leia aqui), mas lembra que a renovação do conjunto de direitos já conquistados é de extrema importância no atual cenário da conjuntura brasileira.


Saiba mais

Para saber mais sobre o andamento da Campanha Salarial de Rádio e TV, clique aqui.