Assembleia do sindicato aprova balanço de 2018 e revisão orçamentária de 2019

Por Redação - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo

Assembleia de prestação de contas e revisão orçamentáriaAssembleia de prestação de contas e revisão orçamentária

Nesta quarta-feira (26), jornalistas participaram da assembleia da categoria em que foi apresentada a prestação de contas de 2018 e a revisão orçamentária de 2019 do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo (SJSP). Colocados em votação, os itens foram aprovados por unanimidade.

O secretário de Finanças e Administração do Sindicato, Cláudio Soares, apresentou inicialmente o balanço de 2018, com tabelas distribuídas aos participantes da assembleia. A arrecadação da entidade no ano passado somou cerca de R$ 2,965 milhões. Desse total, as mensalidades dos sindicalizados responderam por R$ 1,27 milhão (42,9%). As despesas no ano foram de R$ 2,886 milhões, com saldo de R$ 78 mil. Entretanto, ao longo de 2018 foram pagos também R$ 519 mil referentes a dívidas antigas, relativas ao plano de saúde vigente no sindicato entre 1999 e 2003. Essas dívidas puderam ser honradas porque em 2017 constituímos um fundo financeiro de reserva, que foi quase inteiramente consumido.

Na discussão sobre revisão orçamentária de 2019, a assembleia modificou o orçamento aprovado anteriormente. Foram incluídos alguns itens e houve alteração dos valores estimados. As mensalidades deverão crescer em termos proporcionais, atingindo 51% do total de receitas. Se antes a previsão era chegar ao fim deste ano com déficit global de R$ 82 mil, agora a projeção é de um valor negativo de R$ 133 mil. Considerando-se que o saldo em caixa em dezembro passado era de aproximadamente R$ 120 mil, o déficit efetivo previsto é de R$ 13 mil.

Durante a assembleia, foi proposto o aumento do valor a ser investido na Campanha de Sindicalização, especialmente pelo fato de a sindicalização ser a saída para a sustentação financeira da entidade. Ficou decidido que, se a campanha exigir mais recursos do que os previstos, deverá haver aumento dos investimentos nesse item.

O presidente do SJSP, Paulo Zocchi, afirmou que o sindicato deve evoluir de forma a depender basicamente de seus filiados, o que reforça a necessidade de aumentar a sindicalização. Zocchi ressaltou também que recentemente o sindicato adotou a mensalidade proporcional para facilitar a filiação do jornalista empregado que ganha menos. “A mensalidade de 1% do salário é um argumento a mais na hora de sindicalizar, assim como a mensalidade solidária, acima do valor normal da mensalidade, é uma opção para quem pode pagar mais”, destacou.

Em votação, orçamento foi aprovado por unanimidadeEm votação, orçamento foi aprovado por unanimidade