30 Anos do jornal literário Linguagem Viva

Evento comemorativo de fundação do jornal literário mensal Linguagem Viva será realizado no dia 20 de setembro, das 19 às 22 horas, no auditório Vladimir Herzog do SJSP

O evento comemorativo dos 30 anos de fundação do jornal literário mensal Linguagem Viva será realizado no dia 20 de setembro, das 19 às 22 horas, no auditório Vladimir Herzog do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo, Rua Rego Freitas, 530 - sobreloja, em São Paulo - próximo à estação do metrô República.

O jornal fundado em setembro de 1989 por Adriano Nogueira (1928 - 2004) e Rosani Abou Adal, circula há 30 anos sem interromper a periodicidade com objetivo de divulgar a Literatura e o escritor brasileiro com pouco acesso na mídia.

Começou a circular composto em linotipo e com os tipos de Didot para títulos, com seis páginas. Passou por composição em máquinas de composer,  impressão a quente e off-set.

Atualmente, formato tablóide, 8 páginas, preto e branco, é encartado no jornal A Tribuna Piracicabana e distribuído a escritores, entidades, academias, professores, livrarias, editoras, assinantes e colaboradores.

Disponibiliza versões impressa e online.

Tem coluna de livros e notícias e abriga poemas, contos, crônicas, resenhas e colaborações do mais conceituados críticos e escritores brasileiros.  

Adriano Nogueira, escritor, poeta, intelectual e advogado, nasceu em Piracicaba, Estado de São Paulo, a 8 de setembro de 1928.   Recebeu o troféu Mirante, destinado ao destaque cultural do ano de 1990, em Piracicaba. Atuou como secretário da Academia Piracicabana de Letras e foi diretor da União Brasileira de Escritores nas gestões presididas por Cláudio Willer (três vezes), Henrique L. Alves, Fábio Lucas (duas vezes) e, na atual diretoria, presidida por Levi Bucalem Ferrari. Na gestão de Henrique L. Alves exerceu o cargo de diretor jurídico. É autor do livro Registros Literários, editado em 1998. Faleceu,  vítima  de  problemas  coronários,  a  23  de  junho de 2004.

Rosani Abou Adal é escritora, poeta, jornalista, publicitária, editora do jornal literário mensal Linguagem Viva desde 1989, vice-presidente do Sindicato dos Jornalistas no Estado de São Paulo e membro da Academia de Letras de Campos do Jordão. Seus poemas foram traduzidos para o inglês, espanhol, francês, húngaro, grego e italiano. Autora dos livros de poemas Mensagens do Momento (1989), De Corpo e Verde (1992) e Catedral do Silêncio (1996). Participou de antologias no Brasil, França, Portugal, Itália e EUA.

O evento contará com o apoio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo, Academia Paulista de Letras, Sindicato dos Escritores no Estado de São Paulo, União Brasileira de Escritores, APROFEM - Sindicato dos Professores e Funcionários Municipais de São Paulo e do SINBIESP - Sindicato dos Bibliotecários no Estado de São Paulo.

www.linguagemviva.com.br

O evento será transmitido ao vivo pela TV ArtMult Cultural (clique aqui) e pelo canal da jornalista Rosani Abou Adal (clique aqui).