Fotos

Voltar

Assédios Moral e Sexual no Jornalismo: como combater

Debate aconteceu em 30 de outubro do auditório do SJSP

Os assédios moral e sexual contra mulheres jornalistas são um problema antigo nas redações, e o assunto tem ganhado importância com denúncias e enfrentamento por parte das profissionais.

Para discutir o assunto e buscar caminhos para combater a cultura machista e assediadora no cotidiano do trabalho, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) e o Coletivo de Jornalistas Sindicato é Pra Lutar! realizaram o debate "Assédios moral e sexual no Jornalismo: como combater", no dia 30 de outubro (quarta-feira), a partir das 19 horas, no auditório Vladimir Herzog, na sede do Sindicato.

Participaram do debate as jornalistas Joana Côrtes, da Empresa Brasil de Comunicação, Lílian Parise, secretária de Sindicalização do SJSP, Maria Teresa Cruz, da Ponte Jornalismo, além de Mariana Pereira, do coletivo #DeixaElaTrabalhar e a psicóloga especialista em saúde pública e em saúde do trabalhador, Cláudia Lima.

Fotos: Cadu Bazilevski / SJSP